Vida de Advogado. Maiores medos 1 – Infelicidade na profissão.

Infelicidade na profissão.

Amigos(as) advogados(as) você já parou para pensar em quais são seus maiores medos na advocacia? Todos nós temos receios, medos, algo que nos atormenta.

O projeto ADVOCACIA DE SUCESSO, que é um treinamento de alta performance, objetiva justamente fazer com que você saiba lidar com suas preocupações e superá-las.

De ser infeliz em minha profissão.

A felicidade pode ser decorrente de vários fatores! É um estado de espírito. Muitos livros legais tratam do assunto. Recomendo, por exemplo, o milagre da manhã, livro este que mudou minha forma de pensar em muitas coisas. Outro livro bastante legal é o poder da paciência.

         Existem no mercado muitos livros que direta ou indiretamente tratam do tema da felicidade como um todo. Logo, se você não está feliz com você mesmo, seja por um motivo de maior ou menor tempo de duração, provavelmente isso contaminará seu desempenho na advocacia, bem como em outras áreas de sua vida.

         Por outro lado, imaginemos que você é uma pessoa feliz como regra, porém infeliz quanto à sua profissão como advogado. E agora, o que fazer? Você deve se fazer várias perguntas para si mesmo e anotá-las em um papel ou programa de computador, como se fosse um diário.

Quais perguntas seriam estas?

  • O que na advocacia é incompatível comigo? Essa incompatibilidade pode ser tratada de que forma? Qual a estratégia que posso adotar para superar esta mazela?
  • Por que sou feliz em diversos segmentos de minha vida, porém na parte profissional eu não tenho a mesma alegria?
  • Será por que eu não estou preparado suficientemente para representar meus constituintes, ou seja, meus clientes?
  • Será por que sou muito introvertido e isso me atrapalha muito em uma advocacia que requer um pouco de exposição e uma atuação mais direta do advogado(a) com diversas pessoas?
  • Será por que não estou conseguindo clientes que possam bancar meu escritório e ainda ter lucro com isso, me proporcionando os bens da vida que eu gostaria de ter?
  • Será por que sou desorganizado e, como consequência, minha advocacia também é desorganizada?
  • Será que é por conta de que no fundo eu não queria fazer direito e fui convencido pelos meus familiares?
  • Será por que não gosto de estudar?
  • Será por que não consigo ter e desenvolver em peças processuais com raciocínios lógicos e coerentes com força persuasiva para ganhar as demandas que sou o(a) advogado(a)?

Essas são apenas algumas perguntas que você deve fazer a você mesmo! Após fazê-las, deve refletir sobre a mesma e anotar suas considerações.

A cada pergunta apresentada e respondida você irá criar de forma organizada e detalhada como pode resolver este problema. Quando falo de forma organizada e detalhada é realmente escrever o passo a passo de como você vai sair daquilo que te deixa infeliz e como vai alcançar a felicidade na advocacia. Para praticamente todas estas perguntas e respostas há possibilidades de você mudar o jogo e passar a ter mais felicidade em sua profissão.

Desafio você a refletir sobre estas perguntas e depois colocar em práticas o que trabalhamos acima. Não quero que só pensem! Quero que você realmente se comprometa e faça isso como um exercício e depois de traçar detalhadamente um plano de ação que, de fato, o coloque em prática, ok?

SOBRE O AUTOR

Me chamo Alessandro Dantas, tenho 40 (quarenta) anos, me formei há 16 (dezesseis) anos e meu currículo pode se resumir da seguinte forma:

Sou especialista e mestre na área de Direito Público;

Tenho 18 (dezoito) livros publicados ligados ao Direito Administrativo;

Mais de 50 (cinquenta) artigos jurídicos publicados sobre o tema que atuo;

Coordeno, junto com dois outros profissionais de elite, uma coleção de livros jurídicos para uso profissional que terá mais de 50 (cinquenta) volumes;

Já concedi dezenas de entrevistas para diversos segmentos da mídia nacional (seja por rádio, televisão e jornal impresso), muitos facilmente encontrados na internet;

Sou professor de Direito Administrativo da Escola Superior de Advocacia do Estado do Espírito Santo;

Sou professor de Direito Administrativo da Escola Superior do Ministério Público do Estado do Espírito Santo;

Sou professor de Direito Administrativo da Escola Superior da Magistratura do Espírito Santo,

Sou professor de Direito Administrativo de renomados cursos preparatórios nacionais para concursos de carreiras jurídicas;

Fui coordenador e palestrante do Congresso Brasileiro de Concurso Público, do Seminário Avançado de Processo Administrativo Disciplinar e ministro e já ministrei diversas palestras nos maiores congressos sobre gestão pública do País

E, o mais importante, advogo para mais de 2.000 (duas mil) pessoas que são clientes de todos os Estados da Federação e já ganhei muitas causas bem complexas relacionadas à minha área de atuação.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
Scroll Up